Patrimônio

Exposições e folguedos populares no Museu Djalma Maranhão durante o FLIN

museudjalmaDurante o Festival Literário de Natal  (FLIN), o Museu de Cultura Popular Djalma Maranhão – localizado na Praça Augusto Severo (Ribeira) – terá vasta programação de ativações culturais e exposições homenageando o centenário do seu patrono.  As atividades são coordenadas pela Secretaria Municipal de Cultura (Secult/Funcarte) e fazem parte da programação do Natal em Natal, promovido pela Prefeitura do Natal.

Na quinta-feira, dia 5, a partir das 18h, tem apresentações de folguedos populares e do Boi de Reis de Manoel Marinheiro. Na sexta-feira (6), também às 18h, o público terá a oportunidade de assistir aos Congos de Calçolas de Ponta Negra. E fechando a programação haverá no sábado (7), a presença do Pastoril Estrela da Manhã.

Nas dependências do Museu de Cultura Popular Djalma Maranhão acontecem as exposições “Zambê de Tibau do Sul”, da artista plástica e fotógrafa Candinha Bezerra e também dos famosos bonecos de pano do artesão Plínio Faro.

É um programação dentro do Festival Literário de Natal que representa toda a tradição da cultura popular e nada melhor que ser nas próprias dependências do museu que leva o nome do grande Djalma Maranhão. Além disso teremos duas exposições que dialogam fortemente com o conteúdo do FLIN”, comentou o secretário municipal de Cultura, Dácio Galvão.

Sai a lista com os contemplados do FIC 2014

FIC2014

O Diário Oficial do Município de Natal publica nesta quinta-feira (20) a lista com os contemplados no Fundo de Incentivo à Cultura 2014.

Ao todo foram inscritos 62 projetos. Após leitura e avaliação das propostas pelos conselheiros, a lista foi finalmente definida.

Para conferir a lista, clique no link abaixo.

Lista de Contemplados

Funcarte disponibiliza mais de 2 milhões de reais em 9 editais

Editasi 2014

 

A Fundação Cultural Capitania das Artes acaba de lançar 9 editais. O objetivo é estimular e fomentar a produção cultural local, num leque diversificado que vai do mundo dos quadrinhos, passando pela dança, poesia, teatro e literatura de cordel.

Ao todo serão disponibilizados R$ 2.310.000,00 (dois milhões e trezentos e dez mil reais)

Confira nos links abaixo as informações e participe!

 

Edital de Dança Roosevelt Pimenta 2014 EDITAL DE DANÇA ROOSEVELT PIMENTA 2014 SEGUNDO TRATAMENTO-007-2014

Edital de Promoção da Diversidade 2014 EDITAL PROMOÇÃO DA DIVERSIDADE

Edital Moacy Cirne de Quadrinhos 2014 EDITAL MOACY CIRNE DE QUADRINHOS TEXTO FINAL-009-2014

Edital Otoniel Menezes, Moacy Cirne e Câmara Cascudo 2014 – Literatura, Poesia e Ensaios CONCURSOS LITERÁRIOS 2014 OTHONIEL MENEZES, CÂMARA CASCUDO E MOACY CIRNE

Edital Museu Aberto de Esculturas 2014 EDITAL ESCULTURA PARA MUSEU ABERTO 2014

Edital Salão de Artes Visuais 2014 EDITAL 16 SALÃO DE ARTES VISUAIS DE NATAL

Edital Fundo de Incentivo à Cultura 2014 FIC FUNDO DE INCENTIVO À CULTURA 2014

formulário de inscrição

Museu de Cultura Popular reabre nesta Terça (17)

IMG-20140616-WA0022

Uma belíssima oportunidade para o turista que veio curtir a Copa conhecer um pouco mais da nossa gente. O Museu de Cultura Popular Djalma Maranhão reabrirá amanhã às 8:30 com sua vasta expografia sobre a religiosidade e os costumes do povo potiguar.

O Museu funciona no histórico bairro da Ribeira, na parte baixa da cidade. O prédio, onde antes funcionava uma rodoviária, foi totalmente reformulado para abrigar o acervo.

Em 350 metros quadrados, 1.500 peças de 400 artistas populares estão expostas para a apreciação do público. O visitante ainda pode acessar os “totens eletrônicos“, que possibilitam conhecer em textos, fotos e vídeos um pouco da vida e obra dos artistas populares potiguares. Três grandes telões exibem mais de 200 horas de vídeos de forma continua.

Compartilhe! Divulgue! Visite!

O Museu de Cultura Popular Djalma Maranhão fica no Largo Dom Bosco, na Praça Augusto Severo, na Ribeira. 

Natal fará parte do documentário “Culturas da Minha Terra”

juliê

O Projeto “Culturas da Minha Terra”, proposto por Priscila Juliê, roteirista, diretora e instrutora de arte e cultura, aprovado na Lei Rouanet e contando com o patrocínio da Rousselot Gelatinas, passou por Natal, realizando entrevistas e oficina de cinema.

“Graças a este patrocínio, as filmagens e oficinas de cinema estão sendo realizadas em mais de 10 cidades brasileiras, que, além de exibir a cultura da nossa terra, é possível aproximar mais de 500 jovens por meio da prática com o audiovisual”, explica Priscila.

O documentário “Culturas da Minha Terra” terá a duração de 45 minutos e será lançado em 2015, participando de Festivais Nacionais e Internacionais de Cinema. O objetivo é exibir as diversas culturas brasileiras.

As filmagens foram iniciadas em março, sendo que a a equipe já realizou entrevistas e oficinas de cinema em Amparo-SP, José Bonifácio-SP, Itumbiara-GO e Paraty-RJ. No último dia 05, foram feitas gravações em Natal-RN, no Forró com Turista, retratando esta cultura fantástica da cidade. Francisco Barbosa de Albuquerque, conhecido como Barbosa, idealizador e organizador do evento que acontece todas às quintas-feiras, além de Moacir do Repente, repentista da casa, foram entrevistados e farão parte do documentário em questão.

Além disso, no dia 07, as famosas Rendeiras de Ponta Negra e Joca, foram entrevistados e também farão parte do documentário.

A oficina de cinema foi realizada dia 09, na Escola Djalma Maranhão, localizada no Bairro Felipe Camarão. Os alunos realizaram um video sobre curiosidades do dia-a-dia escolar. Esta ação foi intermediada pela FUNCARTE.

Priscila destaca a grande importância deste incentivo fiscal, oferecido pelo governo Federal, onde empresas tributadas pelo lucro real, podem doar até 4% do Imposto de Renda devido para projetos aprovados na Lei Rouanet. “O dinheiro destinado ao imposto já deve ser pago, portanto, nada melhor do que a empresa destinar e acompanhar pelo menos parte deste valor (4%) que será aplicado na sua própria comunidade, por exemplo.

“Acredito que, com o apoio dos empresários que tem visão e optam por contribuir com projetos como este e como tantos outros bons por aí, é possível fazer a diferença na vida de milhares de pessoas, por meio de uma iniciativa bem simples e assertiva”, afirma Priscila.

A equipe do documentário Culturas da Minha Terra agradece a todas as pessoas de Natal, envolvidas direta e indiretamente, por toda receptividade e colaboração.

« Older Entries