EXPOSIÇÃO, DEBATE E LANÇAMENTO DE LIVRO MARCAM REABERTURA DO MEMORIAL NATAL

                                             benefonteles

Memorial Natal será reaberto nesta quinta-feira, dia 5 (Dia Mundial do Meio Ambiente), partir das 8h30

A Prefeitura do Natal, através da Fundação Cultural Capitania das Artes, definiu a programação cultural de reabertura do Memorial Natal, no Parque da Cidade (Parque Dom Nivaldo Monte), nesta quinta-feira, dia 5 de junho (Dia Mundial do Meio Ambiente), a partir das 8h30. Debates, lançamento de livros e exposições fotográficas fazem parte da programação.

Para debater a “Poesia das Águas”, a Funcarte convidou o artista plástico, jornalista, editor, escritor, poeta e compositor Bené Fonteles.

Bené Fonteles estará lançando seu livro “Prata, São Francisco, Amazonas-União das águas: imaginário das grandes bacias fluviais brasileiras”. A obra foi realizada em parceria com Marcelo Delduque e foi recentemente lançado pela Câmara Federal, em Brasília (DF).

Depois da participação de Bené acontece um debate com o tema “Parque da Cidade: Eco museologia em processo”, com a arte-educadora Sânzia Pinheiro (curadora e crítica de arte), com as participações de Hélio Oliveira (Diretor do Departamento de Patrimônio Cultural da Funcarte. Historiador, restaurador e museólogo), Flávio Freitas (Diretor do Departamento de Artes Integradas da Funcarte, artista plástico e arquiteto) e Felipe Bezerra (arquiteto, urbanista, design premiado em salões na Itália e Paris).

Está previsto o lançamento do livro de João Maurício Fernandes de Miranda (Natal Foto-Gráfico do passado ao presente) e também as exposições fotográficas “Poética das Águas”, de Candinha Bezerra e  “O Poeta da Natureza” (em homenagem ao patrono do Parque da Cidade Dom Nivaldo Monte) de autoria do fotógrafo Henrique José.

A Zoon Galeria Móvel (contêiner adaptado como Galeria de Arte com exposições fotográficas e mostras de filmes) também estará na manhã de reabertura do Memorial Natal.

Nesta manhã de quinta-feira também acontece a reinauguração da Biblioteca do Parque e a reativação do Núcleo de Educação Ambiental além de programações desenvolvidas pela Semurb em parceria com a Funcarte com Mostra Sustentável, Jogos Educativos e outras apresentações culturais em diversos pontos da cidade dentro da Semana do Meio Ambiente 2014).

Programação Cultural Reabertura Memorial Natal (Parque da Cidade)

8h30 – Café da manhã

Fala do Prefeito Carlos Eduardo Alves

10h30: Mesa 1 – Poesia das Águas

Bené Fonteles (Foto) – artista plástico, jornalista, editor, escritor, poeta e compositor, entre seus livros publicados destaca-se “O Livro do Ser”.

Na ocasião lançará  o livro  “Prata, São Francisco, Amazonas- União das águas:  imaginário das grandes bacias fluviais brasileiras em parceria Marcelo Delduque, recentemente lançado pela Câmara Federal em Brasília. Haverá Sessão de autógrafos.

Sânzia Pinheiro – Arte educadora, curadora e crítica de arte.

11h20: Mesa 2 – Parque da Cidade: Eco museologia em processo

Hélio Oliveira – Diretor do Departamento de Patrimônio Cultural da FUNCARTE. Historiador, restaurador e museólogo.

Flávio Freitas-  Diretor do Departamento de Artes Integradas da FUNCARTE, artista plástico e arquiteto. Recentemente expôs na Galeria da Câmara Federal – Brasília.

Felipe Bezerra – arquiteto, urbanista, design premiado em salões na Itália e Paris.

Lançamento do livro de João Maurício Fernandes de Miranda (Natal Foto-Gráfico do passado ao presente)

Exposição Fotográfica “Poética das Águas”

Fotografias: Candinha Bezerra

Exposição Fotográfica: O Poeta da Natureza

Homenagem ao patrono do parque da cidade Dom Nivaldo Monte.

Fotos de Henrique José

Zoon Galeria Móvel – Contêiner adaptado como Galeria de Arte com exposições fotográficas e mostras de filmes.

Assessoria de Imprensa da Funcarte

Dionisio Outeda

9974-3839

8820-8769

Para entrevistas:

Hélio Oliveira (9986 7561)

Odinelha Targino ( 9927-5900)

One Reply to “EXPOSIÇÃO, DEBATE E LANÇAMENTO DE LIVRO MARCAM REABERTURA DO MEMORIAL NATAL”

  1. Porque o Memorial Natal só abre no período da tarde e em horário reduzido?
    E porque está fechado nesse período de copa em que a cidade recebe tantos turistas?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *